Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ADRIENE DE OLIVEIRA BASTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ADRIENE DE OLIVEIRA BASTOS
DATA: 04/12/2023
HORA: 14:00
LOCAL: Laboratório de Silvicultura
TÍTULO:

PROPAGAÇÃO VEGETATIVA DE PROGÊNIES DE Cordia trichotoma (Vell.) Arráb. ex Steud VIA MINIESTAQUIA


PALAVRAS-CHAVES:

Louro-pardo; Minijardim seminal; Melhoramento genético


PÁGINAS: 35
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Recursos Florestais e Engenharia Florestal
SUBÁREA: Silvicultura
ESPECIALIDADE: Florestamento e Reflorestamento
RESUMO:

A propagação de espécies florestais nativas via miniestaquia apresenta-se como uma ferramenta promissora na produção de mudas onde se visa garantir a uniformidade genética e qualidade das plantas cultivadas. Considerando a variabilidade genética entre prôgenies de uma determinada espécie, estabelcer estudos que avaliem o seu desenvolvimento inicial quando submetidos a técnica de miniestaquia é essencial para o estabelecimento de um programa de melhoramento genético. A presente pesquisa tem como objetivo avaliar a propagação vegetativa via miniestaquia de progênies de Cordia trichotoma. A pesquisa será desenvolvida na Universidade Federal de Lavras em Lavras - MG. As sementes utilizadas foram coletadas em agosto de 2023 em quatro matrizes (P04, P12, P28, P33) localizadas em Lavras. As sementes foram semeadas em sementeira aberta e após a formação de plântulas foram transferidas para tubetes de 55 cm³ preenchidos por 40% fibra de coco, 30% casca de arroz semicarbonizada, 30% substrato comercial e 4 kg de Osmocot/m³, em seguida abrigadas em casa de sombra com 50% de sombreamento onde permanecerão e receberão aplicação de 0,100 kg de MAP quinzenalmente. Ao atingirem 15 cm de altura, 50 mudas de cada progênie serão transferidas para o canaletão onde serão separadas por blocos. Após 60 dias, será realizada a poda dos ápices dos indivíduos à altura de 15 cm a partir da base. Após a emissão de brotações, serão estaqueadas brotações com 5 cm de comprimento tendo um par de folhas com redução de 50% da área foliar. As miniestacas passarão por desinfecção com hipoclorito de sódio a 2% e em seguida a sua base será submersa em solução de 4000 mg.L-1 ácido indol-3-butírico diluído em álcool etílico a 50%. Em seguida as miniestacas serão plantadas em tubetes de 110 cm³ contendo 50% vermiculita e 50% casca de arroz semicarbonizada e abrigadas em casa de vegetação com temperatura média de 30 ºC e umidade relativa de 85%. A disposição dos tubetes seguirá delineamento inteiramente casualizado. Após o estaqueamento será avaliada a produtividade do minijardim por meio da contagem do número de brotações de cada progênie. Após 40 dias de estaqueamento, será quantificado a porcentagem de enraizamento, de sobrevivência e de mortalidade, o número calos, brotações e comprimento e o número de raízes por progênie. Paralelamente, serão avaliadas as variáveis altura, diâmetro do colo e número de folhas. Além disso, será avaliada a concentração dos pigmentos de clorofila a e b e carotenoides, massa seca da raiz e parte aérea e o índice de qualidade de Dickson. Os dados obtidos nas avaliações serão submetidos ao teste de normalidade e homogeneidade. Após os testes estatísticos, os dados serão submetidos à análise de variância e, quando observadas diferenças significativas entre as médias, ao teste de Tukey (p-valor<0,05) utilizando o programa estatístico R Studio. Com o desenvolvimento da presente pesquisa, espera-se obter informações sobre o potencial produtivo do minijardim e desenvolvimento das miniestacas das diferentes progênies de C. trichotoma, assim sendo possível identificar se há material genético superior com potencial para propagação vegetativa via miniestaquia.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - VIVIANE MARIA BARAZETTI - UFLA (Membro)
Externo à Instituição - RODOLFO SOARES DE ALMEIDA - UFV (Suplente)
Presidente - GILVANO EBLING BRONDANI (Membro)
Interno - ADELSON LEMES DA SILVA JUNIOR - UFLA (Membro)
Notícia cadastrada em: 07/11/2023 10:49
SIGAA | DGTI - Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação - Contatos (abre nova janela): https://ufla.br/contato | © UFLA | appserver1.srv1inst1 23/02/2024 18:10