Notícias

Exame de Qualificação do Mestrado Profissional do PPGECEM/UFLA - Maria Aparecida Teixeira de Siqueira - em 01/09/2022

Título:

AS POSSIBILIDADES DE APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA DE ESTUDANTES COM TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE COM O AUXÍLIO DE DIFERENTES ESTRATÉGIAS DE ENSINO: UM ESTUDO DE CASO

 

Banca Examinadora:

Profa. Dra. Helena Libardi – UFLA

Profa. Dra. Silvia Maria Medeiros Caporale – UFLA

Profa. Dra. Marlise Geller – ULBRA

 

Data: 01/09/2022

Horário: 14h

 

Local:

http://meet.google.com/nqd-agsb-zoq

 

RESUMO: O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) afeta aproximadamente 7% da população mundial, de acordo com a Associação Brasileira do Déficit de Atenção (ABDA), mas ainda existem muitas pessoas que possuem o transtorno sem serem diagnosticadas. Ainda não existem muitas leis específicas que assegurem os direitos de atendimento especializado de estudantes com TDAH em relação à Educação, mas já foi aprovado a lei nº 3517/2019 que dispõe de acompanhamento em tempo integral para esses estudantes. Há pesquisas que indicam a relação entre a dificuldade no ensino e na aprendizagem de matemática para estudantes com TDAH, mas pouco se tem estudado para aprimorar e possibilitar melhores condições e aproveitamentos destes estudantes e metodologias que auxiliem o professor. Por considerar este tema tão essencial, este projeto tem como proposta realizar ações e estratégias que deem direcionamento de como ensinar e aprender matemática com o auxílio de mapas mentais, pensando em um contexto inclusivo com estudantes com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), buscando responder a seguinte questão de investigação: qual a potencialidade de utilizar diferentes estratégias para manter o foco do estudante com TDAH, possibilitando a organização dos conteúdos e a aprendizagem em uma perspectiva de educação matemática inclusiva? Caracterizada em um estudo de caso, em que delimitamos como objetivo geral: O objetivo da pesquisa é analisar se o uso de diferentes estratégias de ensino contribui para o foco, a organização dos conteúdos e o aprendizado de estudantes com TDAH em uma perspectiva inclusiva. Temos como objetivos específicos: i) analisar o uso de mapas mentais na perspectiva inclusiva; (ii) analisar se o uso de mapas mentais auxilia na organização dos procedimentos para o uso de conceitos revisionais. Para isso, utilizaremos uma unidade didática como metodologia de ensino, aprendizagem e avaliação de Matemática através da Resolução de Problemas por meio de mapa mental. Temos como estratégias de construção dos dados da pesquisa: entrevistar estudantes com TDAH e desenvolver práticas que auxiliem pessoas com TDAH no âmbito escolar, em específico em aulas de matemática. As informações estarão em forma de relatos, figuras, fotografias, gravações, vídeos, anotações de diário de campo e transcrições.

 

Palavras-Chave: Educação Inclusiva. Ensino de Matemática. TDAH. Estratégias de ensino.

Notícia cadastrada em: 05/08/2022 19:38
SIGAA | DGTI - Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação - Contatos (abre nova janela): https://ufla.br/contato | © UFLA | appserver1.srv1inst1 22/04/2024 10:10