Notícias

Banca de DEFESA: MIRNE PEREIRA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MIRNE PEREIRA DA SILVA
DATA: 20/12/2022
HORA: 09:00
LOCAL: DBI
TÍTULO:

JOVENS DE UM POVOADO RURAL DO SUL DE MG
E SUAS DIFICULDADES E POTENCIALIDADES NA ESCOLARIZAÇÃO


PALAVRAS-CHAVES:

Educação do Campo. Trabalho. Jovens. Povoado. Estudantes. Abandono     


PÁGINAS: 69
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

   Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo central de conhecer e compreender quais as dificuldades enfrentadas na escolarização de jovens do povoado do Cajuru do Cervo, no Município de Lavras- MG e entorno, bem como as condições que podem colaborar para uma superação. Especificamente buscou-se: (1) Conhecer quais empregos e com quais outros trabalhos e meios de renda as famílias dos estudantes do povoado em estudo sustentam a vida (2) Compreender e investigar histórias de abandono escolar e histórias de sucesso escolar. (3) Identificar os fatores que levam adolescentes do campo a abandonar a escola, de modo a entender e ter pistas sobre como a escola pode hoje formar e preparar jovens com opções de vida possíveis para o meio rural. (4) Investigar o papel da família na vida escolar de jovens. (5) Saber o que há de diferente em relação ao meio urbano, nas condições de vida, na conjuntura social, no meio rural do povoado, que colabore para a compreensão e explicação do agravamento das dificuldades e exclusão escolar. Realizou-se uma pesquisa de campo, através de entrevistas semiestruturadas com 20 pessoas, estudantes e não estudantes com idades entre 15 e 30 anos. As questões postas tomaram por base algumas hipóteses que foram levantadas sobre os problemas que levam jovens a abandonar a escola, procurando entender quais razões podem colaborar para que estudem mais e melhor. Após serem analisadas as respostas dos participantes, foi possível confirmar que existem neste povoado alguns fatores que dificultam a permanência de jovens na escola, como por exemplo a distância para chegarem em escolas de ensino médio e a dificuldade no transporte, estar fora da idade, maternidade, jornada de trabalho incompatível com horário escolar entre outras. Com o desenvolvimento deste trabalho, constatou-se que, é comum que prefiram trabalhar a estudar, e que consideram que a universidade é só para os ricos. Há jovens desmotivados e que se sentem inferiores, acreditam que não são capazes.  


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - MARINA BATTISTETTI FESTOZO (Membro)
Externo à Instituição - LUCIANA DA SILVA - ND (Membro)
Externo à Instituição - ELIANE VIANEY DE CARVALHO - UNILAVRAS (Membro)
Externo ao Programa - CELSO VALLIN - DED/FAELCH (Membro)
Interno - ANTONIO FERNANDES NASCIMENTO JUNIOR (Suplente)
Notícia cadastrada em: 12/12/2022 13:08
SIGAA | DGTI - Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação - Contatos (abre nova janela): https://ufla.br/contato | © UFLA | appserver1.srv1inst1 20/07/2024 01:06