Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ALESSANDRA APARECIDA BASTOS PAULA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALESSANDRA APARECIDA BASTOS PAULA
DATA: 31/03/2022
HORA: 15:00
LOCAL: remoto
TÍTULO:

O Congado como Cultura de Resistência Popular e educação antirracista: vozes e olhares no municipio de Oliveira-MG

 

 


PALAVRAS-CHAVES:

Congado;cultura de resistência;pedagogia.


PÁGINAS: 30
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Apesar de ser uma celebração cultural secular trazida pelos escravizados de diversas nações africanas e estar inserida no contexto cultural brasileiro, o Congado ainda enfrenta forte resistência de aceitação e respeito por parte da sociedade, principalmente devido a questões religiosas e raciais. O presente estudo tem como objetivo investigar a relação dos aspectos culturais e simbólicos pertencentes à celebração do festejo de N. Sra. do Rosário no Município de Oliveira-MG como alicerce para o desenvolvimento, implementação e ações pedagógicas no sentido de mitigar e desmistificar os olhares preconceituosos em relação a essa manifestação. Especificamente pretende-se analisar como o Congado contribuiu para o enriquecimento da práxis pedagógica ancorado na cultura de resistência, na questão política, social, religiosa, corporal e racial na vida dos jovens participantes do festejo e da comunidade local. A hipótese surge no sentido de expor que o Congado se apresenta como uma manifestação cultural de resistência e pode contribuir para expansão e criação de pedagogias de ensino multidisciplinares. Foram entrevistados os sujeitos participantes do Congado: desde seus fundadores aos jovens iniciantes. Para analisar o conteúdo das entrevistas e comprovar a relevância cientifica do estudo, a metodologia adotada pauta-se na Análise de Conteúdo proposta por Laurence Bardin. O estudo possui aspectos de pesquisa participante, exploratória e descritiva. Os resultados parciais do estudo apontam para uma dificuldade de inserção da cultura do Congado no conteúdo pedagógico fundamentado em preconceitos étnico-raciais e culturais que ainda expõem as feridas dos mais de três séculos de escravidão no Brasil.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - ANTONIO FERNANDES NASCIMENTO JUNIOR (Membro)
Interno - KAREN LUZ BURGOA ROSSO (Suplente)
Interno - MARINA BATTISTETTI FESTOZO (Membro)
Externo à Instituição - VICTOR HENRIQUE DE RESENDE - UNILAVRAS (Membro)
Notícia cadastrada em: 15/03/2022 10:28
SIGAA | DGTI - Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação - Contatos (abre nova janela): https://ufla.br/contato | © UFLA | appserver2.srv2inst1 21/02/2024 21:45