Apresentação

 

 

O PPGFV-UFLA forma mestres e doutores com perfil pró-ativo e de liderança, segundo princípios éticos e humanistas qualificados técnica e cientificamente em Fisiologia Vegetal.

Seus objetivos são:

1 - geração e transmissão de conhecimentos em Fisiologia Vegetal, mediante atividades de ensino de alto nível, do desenvolvimento de pesquisa de vanguarda e da disseminação dos resultados;

2 - geração de inovação tecnológica voltada para desenvolvimento regional e nacional na área de fisiologia de plantas de interesse econômico, social e ambiental;

3 - habilitação de profissionais para o ensino de Fisiologia Vegetal enquanto disciplina básica essencial em qualquer nível de formação cidadã e profissional.

Possui processo seletivo descentralizado, com duas chamadas anuais e tem aporte financeiro das agências de fomento nacionais (CAPES e CNPq) e estadual (FAPEMIG), além de parcerias com empresas privadas.

O PPGFV-UFLA tem uma única área de concentração: fisiologia vegetal; área essencial para a compreensão dos aspectos teóricos e aplicados da produção vegetal, pois aborda os mecanismos fundamentais de conversão da energia solar em matéria orgânica que resultam em produtos de valor econômico, social ou ambiental de origem vegetal (alimentos, fibras, energia, essências, serviços ou outros bens).

São quatro linhas de pesquisa:

1- Bioquímica, nutrição e metabolismo de plantas: visa compreender melhor como condições ambientais afetam a fisiologia das plantas.

2- Fisiologia do crescimento e desenvolvimento vegetal: estuda como estímulos do ambiente físico ou biótico regulam a fisiologia das plantas.

3 - Fisiologia vegetal aplicada: emprega avanços tecnológicos atuais na fisiologia da produção agrícola e para recuperação de áreas de vegetação natural.

4 – Macrofisiologia: abordagens fisiológicas em grandes escalas espaciais e temporais, particularmente em face a variações ambientais ou ações antrópicas.

Em todas as linhas de pesquisa, o PPGFV-UFLA desenvolve pesquisa de base e tecnologias visando avanços da agricultura tropical. Esses conhecimentos biotecnológicos são aplicados à produção vegetal na forma de regulação fisiológica para reduzir impactos negativos frente a estresses ambientais ou para otimizar ganhos produtivos em relação a disponibilidade e aplicação de insumos.

 

ATENÇÃO: A Secretaria Integrada do Instituto de Ciências Naturais (SI/ICN) é a responsável por atender a demanda deste Programa de Pós-Graduação.

Acesse: https://icn.ufla.br/si e saiba mais sobre nosso atendimento.

 

 


Página Alternativa



Telefone/Ramal

Telefone/Ramal: (35) 3829-1628
E-mail: pg.icn@ufla.br

Coordenação do Programa

  • - PAULO EDUARDO RIBEIRO MARCHIORI

    Telefone/Ramal: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    Telefone/Ramal 2: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    E-mail: Nenhum conteúdo disponível até o momento

  • - VITOR DE LAIA NASCIMENTO

    Telefone/Ramal: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    Telefone/Ramal 2: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    E-mail: Nenhum conteúdo disponível até o momento

SIGAA | DGTI - Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação - Contatos (abre nova janela): https://ufla.br/contato | © UFLA | appserver2.srv2inst1 20/05/2024 02:36